segunda-feira, 25 de janeiro de 2010

“Við spilum endalaust” – que abre o playlist de hoje – é uma das composições do Sigur Rós (foto) cantadas em Vonlenska, termo utilizado para definir a língua ininteligível usada pela banda. Diferente de outras línguas construídas, que podem ser usadas para comunicação, Vonlenska serve somente para dar ritmo e melodia às músicas, sem uma gramática específica. Mas você não precisa ser poliglota para se encantar com o Sigur Rós, basta apertar o play. Na sequencia você ouve MGMT, Klaxons, Empire of The Sun, os brasileiros do Cansei de Ser Sexy, Hot Chip, The Ting Tings, Of Montreal, Cut Copy e Crystal Castles.



Seleção Musical de Ricardo Pereira.

01 – SIGUR RÓS, “Við spilum endalaust”
In: Með suð í eyrum við spilum endalaust, 2008.

02 – MGMT, “Weekend Wars”
In: Oracular Spectacular, 2007.

03 – KLAXONS, “It’s Not Over Yet”
In: Myths of The Near Future, 2007.

04 – EMPIRE OF THE SUN, “We are the people”
In: Walking on a dream, 2008.

05 – CANSEI DE SER SEXY, “Music is My Hot Sex”
In: Cansei de Ser Sexy, 2006.

06 – THE TING TINGS, “We Walk”
In: We Started Nothing, 2008.

07 – HOT CHIP, “Made in the dark”
In: Made in the dark, 2008.

08 – OF MONTREAL, “Gronlandic Edit”
In: Hissing Fauna, Are You The Destroyer?, 2007.

09 – CUT COPY, “Hearts on Fire”
In: In Ghost Colours, 2008.

10 – CRYSTAL CASTLES, “Crimewave”
In: Crystal Castles, 2008.

Um comentário:

  1. Nossa conheci a Sigur rós ontem através de um amigo e fikei encantada, o som eh muito aconchegante, vc entendi sem eentender, eh bem loco, adorei ouvir eles aki
    =}

    ResponderExcluir