domingo, 9 de janeiro de 2011

Lançado em 1991 pela Touch and Go, Spiderland, do Slint é o destaque de hoje da Discoteca Indie, nossa seleção dos melhores albuns independentes de todos os tempos. De certa forma, foi o Slint que definiu o que seria conhecido como pós-rock depois, neste Spiderland e em seu album anterior, Tweez, de 1988. À primeira audição é um disco perturbador, os vocais falados ou gritados parecem não se encaixar com a música ora sinistra, ora leve. Embora recebido elogiosamente pela crítica, não teve sucesso comercial algum, o que apressou o fim do grupo antes que a influência crescente do disco fizesse do Slint uma referência na sonoridade dos anos 1990.

Seleção Musical de Ricardo Pereira

01 – SLINT, “Breadcrumb Trail”
In: Spiderland, 1991.

02 – SLINT, “Nosferatu Man”
In: Spiderland, 1991.

03 – SLINT, “Don, Aman”
In: Spiderland, 1991.

04 – SLINT, “Washer”
In: Spiderland, 1991.

05 – SLINT, “For Diner”
In: Spiderland, 1991.

06 – SLINT, “Good Morning, Captain”
In: Spiderland, 1991.

Agora a Radio Indie também está no Facebook:
http://www.facebook.com/pages/Radio-Indie/142639295767771

Nenhum comentário:

Postar um comentário